08 junho 2009

(avulsos)

Da matéria,
o que resiste,
o que protesta,
o que vence o universo todo
é o olhar.

O olhar
de um cachorro,
de uma criança,
de uma iguana,
de um pastor de ovelhas,
de um homem pronto para se casar,
um olhar.

O olhar,
é um alcance de tempo,
o tempo denso de ser mortal
que desafia e vence as infinitudes.

7 comentários:

Vivian disse...

...eu não resisto
a um olhar de amor,
a um olhar de perdão,
a um olhar de carência.

a um olhar...

adoro vir aqui.

adoro

bj

paula barros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
paula barros disse...

Gosto de vir aqui olhar
Porque quando olho sinto

Gosto de olhar o que sinto
Com o olhar da alma

Gosto de tentar escutar a alma
Quando olho e sinto o que aqui leio.

Muitas vezes o olhar alcança outros olhares.

beijo

(e ontem disse para você olhar a lua, hoje a lua de ontem está no blog. Vista e sentida pelo meu olhar, mas a foto não consegue captar o que vi e o que senti. Era uma lua laranja feito o sol, num céu azul ainda azul dia)

Avassaladora disse...

Alguém já disse que os olhos são o espelho da alma...

Ou seria as janelas da alma?

Bem , em ambas as frases, é atreves dele que se vê todo o interior...

Um olhar é tudo...

Com ele olhamos não vemos..

Ou vemos e olhamos...


Beijos!

Wellington Felix disse...

Meu olhar o tempo modifica
o meu olhar modifica o tempo
o meu olhar no tempo
o meu olhar em tempo
o teu olhar a tempo




ps. és poeta sim, pois olha alem do tempo e do espaço, olhas e falas de dentro p´ra dentro mesmo olhando pra fora.
o teu olhar modidfica o tempo e alguns olhares
obrigado.

Deusa Odoyá disse...

Meu lindo amigo.
O olhar nos diz tudo.
Ele é o espelho da alma.
Nosso ser interior.
Através dele podemos visualizar nossos sentidos.
Um belo poema.
Gosto de vir ao seu blog, me abasteço de reflexões.
Beijinhos doces, meu anjo amigo.
Regina Coeli

Mai disse...

Olhares...
E foi interessante agora porque uni teu texto à fotografia ao lado. Já há tempos eu queria registrar a beleza da fotografia de Raphael San - esta - 'mestre Alvaro'.
Mar de belíssimo azul com barcos em primeiro plano e um contorno de montanha ao fundo... Linda!
.
Olhos que, quando fecho, sinto e vejo melhor o que não está a minha frente...
De que olhares falamos???

Beijos,