17 abril 2008

Vazios cheios de azul

Tudo fique claro amigos:
o poema que virá amanhã ou depois
será uma sombra alongada na tarde,
lançada da minha disforme alma

que vazia se enxerga cara-cara com um forte sol
a me surpreender em fins de dia nublado,
a me encher de outros vazios,
mesmo que cheios de azul.

Minhas obscuridades, eu anseio,
pelo menos sejam projeções dos desejos,
ainda que feios,
... de poesia.

9 comentários:

Jacinta disse...

Reconheço-me nos seus versos, anzol na garganta, perdas, vontades, água afagando-me no sufoco... o sol - esse mesmo - que pode surgir no fim de uma tarde nublada e aquecer-me.
Beijos
Jacinta

Lizzie disse...

Que sejam!
Que nossos versos sejam sempre a projeção dos nossos anseios e desejos. Porque é só a palavra que liberta n'este mundo caduco.

Um grande beijo,
www.lizziepohlmann.com

Lyani disse...

Dauri, vc não poderia ter escolhido data melhor! Veja em meu blog!E muito, muito obrigada por um presente tão especial. =D
Bjos

Mike disse...

o poema, ainda que o de hoje, ontem ou amanhã será sempre um prolongamento da tarde, anoitecer... hora do crepúsculo no qual, ainda que a escuridão comece a tomar forma, suas linhas são mais delineadas e o vazio mais evidente... tão evidente como se, em pleno crepúsculo, um sol de força magnética cegasse os olhos e fizesse toda a pele transpirar... de calor e desejo abundante.

Poetisa da Alma disse...

Muito lindo!
É incrível como muitas vezes conseguimos nos enxergar nas palavras das pessoas...
Um dia de muitas dádivas para vc!

John Doe disse...

As tuas palavras são a minha oração...

sei como é se encher de um vazio azul noites seguidas desejando que exista algo mais em toda essa escuridão...

Jorge Elias disse...

Prezado Dauri,

Segue convite:

Aliança Francesa
25-04 (sexta-feira)
19 horas


Um abraço,

Jorge Elias

edermv disse...

Amigo Dauri que maravilha de poema, vc encheu o vazio dentro de mim, pois teu poetar me encanta. Abçs.

eder ribeiro disse...

Amigo Dauri que maravilha de poema, vc encheu o vazio dentro de mim, pois teu poetar me encanta. Abçs.